quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Diretoria da Casa do Poeta conquista destaque internacional


CASA DO POETA LAMPIÃO DE GAS SP/ REUNIÃO 08-12-15 



Agora somos poetas internacionais apos a coligação Brasil Portugal foi o que disse Adriano Augusto muito feliz.. A Casa do Poeta Lampião de Gás está Coligada à Associação Portuguesa de Poetas .

A Casa do Poeta Lampião de Gás São Paulo SP é um lugar maravilhoso para declamar "recitar"poesias e outros estilos poéticos. As reuniões "sarau" acontecem todas as terças feiras a partir das 18 horas na Rua Alvaro Machado,22 Liberdade centro São Paulo. Nesta terça feira recebeu o Presidente da Associação portuguesa de Poetas, Antonio Adriano Paz da Rosa junto a sua esposa Tereza, portanto a Casa do Poeta "Lampião de Gás" de São Paulo tem recebido visitas internacionais isto mostra seu crescimento, também nesta terça tivemos entrevistados com matéria exclusiva ao site casadopoetalampião de gaz sp, Jasa, Adriano, Nilzangela falaram da programação de final de ano.
A Casa do Poeta Lampião de Gás tem um trio brilhante que trabalha com amor e carino levando a poesia por todas as fronteiras, hoje ela já está em Portugal, onde esta Coligada à Associação Portuguesa de Poetas, também está sendo divulgada em outros países, alem de ter um grande conhecimento nacional por todos Estados do Brasil. Na diretoria atual: Wilson de Oliveira Jasa, Vice Presidente: Adriano Augusto da Costa e Segunda Secretária: Odila Paciência: 
Na diretoria atual tem como presidente: Wilson de Oliveira Jasa, Vice Presidente: Adriano Augusto da Costa e Segunda Secretária: Odila Paciência, embaixadora Nilzángela Lima. Já é um sucesso as reuniões (saraus) poéticos apresentado na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos, acontecem também a música para ilustrar e tornar mais agradável. Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto.
Na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos acontece também a música para ilustrar e tornar mais agradável.
Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto. Umas das atrações é a pianista Senhora Dulce França que inicia com o hino da Casa do Poeta, Lampião de Gás música da Cantora Elizete Barroso. Quem também contribui na parte musical é a cantora Maura Fernandes. Daniel Teixeira é um poeta que tem contribuído com a casa, além dos seus belos poemas ele é um dos fotógrafos da casa postando material nas redes sociais. ´Já a poetisa Nilzangela entrevistou a poetiza Tereza portuguesa e foi homenageada pelos colegas poetas Adilso e Militão com poemas.

Por: Sebastião Vieira (jornalista)

Imagens: Sebastião Vieira .

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Acontecerá Associação de Portuguesa de Escritores no dia 9 de dezembro - Jose Rodrigues Miguéis





A Associação Portugues de Escritores leva a cabo, no próximo dia 9 de Dezembro, pelas 18h00, no Espaço Arte Sénior da AASPT (Av.ª Duque de Loulé, 33) uma sessão evocativa a José Rodrigues Miguéis.

Esta iniciativa, de entrada livre, tem a participação de Teresa Martins Marquesque abordará o tema “O Milagre das Escrita segundo José Rodrigues Miguéis.

SÃO PAULO - 462 ANOS De Fundação - Poeta ADRIANO AUGUSTO DA COSTA FILHO,

  
SÃO PAULO - 462 ANOS DE FUNDAÇÃO !
(1554/2015)
Adriano Augusto da Costa Filho

 

São Paulo terra querida,
Há quatro séculos urdida.
Nascida para ser amada
Por todo o Brasil adorada !

  
São Paulo  ouro de alto quilate,
É  Brasil inteiro do Sul ao Acre.
A entrada em São Paulo é grátis,
De avião, ônibus ou de táxis !

 
São Paulo, terra amada do Brasil,
De nossa terra linda e varonil.
Verde, amarelo, azul e branco,
Do nosso eterno Brasil um encanto !

 
São Paulo do Brasil fazemos parte,
Sempre com carinho, amor e arte.
Padre Manuel da Nóbrega fundador,
Deixou sua marca com carinho e amor !

 
Somos todos brasileiros pelo sol,
E paulistas com brilhante arrebol.
São Paulo terra encantada com amor,
E do jardim de flores, enfeitada com olor !


ADRIANO AUGUSTO DA COSTA FILHO,
Presidente do Movimento Poético Nacional
Vice-Presidente da Casa do Poeta de São Paulo
Associação Portuguesa de Poetas/Lisboa/Portugal

Ordem Nacional dos Escritores do Brasil 

domingo, 15 de novembro de 2015

Poemas - Vencedores

 1° Lugar  Fermoso1 Mar  -  -   Dimithryus -  São Paulo - Brasil

Ouve ó mar, o canto do mundo

Que hasteia suas velas na vontade

Quebrando com as olas despercebidas.

Faz da caravela o carro de Zeus

Cala-te ó vento que rufa entre abismos

O peito que bate ligeiro e sigiloso

A cortar os mares além da Tropobana2.

Reúna-se a gana dos mares todos

A Goa, Damão, Diu3 e Vera Cruz4

Que suas naus nunca cessem

E não cale o grito oculto do navegador.

Suas naves sobrevoam as águas

E recriam os mapas do novo mundo

São os mares de Atlas, nunca dantes navegados.

No monte que se oculta

Ó geração Luso

Repicam as velas de Cristo

As velas de África a Ásia 

Da ocidental praia lusitana

A afagar seus filhos a fermosa mãe.

Ouve ó mar, o canto do mundo

Que hasteia suas velas na vontade

A repicar as velas de Cristo

Da ocidental praia lusitana.

...................................................







...................................................

2° lugar Portugal

Ana Bela Borges

As palavras custam a sair 

como metidas no espaço da voz 

em talas dimensionais 

que as prendem e lhes amarram 

as asas que antes tinham 

leves como pardais.

As palavras custam a sair 

porque os dias que passaram 

trouxeram a sombra à luz do ninho 

e deixaram-te a alma 

que trazias calma 

num desalinho.

Levará tempo até que prepares as palavras 

até que as encontres 

as alises e as limpes de impurezas 

as amacies as tragas à boca ou ao aparo da caneta 

as acaricies 

as devolvas à curva escondida das incertezas.

E quando voltares a ter as palavras 

para dizeres dos dias e das noites 

das horas 

das asas 

da alma 

Serás de novo o ser frágil e pequenino 

que aprende a usar o verbo 

a abrir o bico 

a estender as asas


a abandonar o calor do ninho.

ANABELA BORGES


....................................................................................................
3° lugar - Sanjo Muchanga - Cidade de Maputo - Africa

Aos Críticos Literários

Sempre escrevo no silêncio das vozes humanas

Sempre questiono porque tanto escrevo poesia

E as vezes escrevo as histórias e as crónicas vazias

Seria a preguiça de pensar em outros assuntos?

Não terei resposta senão indagações sombrias

Que caracterizam a dor e o vazio dum ser poético 

Se tiver, será um mero conceito do nada ser

Para enfatizar a ignorância da escrita que me fez.

Tão normal é viver de lamentações e favores

Difícil é reconhecer a alma que vitaliza o poeta

Tão normal é lançar a crítica aos escritos divinos

Difícil é saber a origem das mesmas na divindade.

Escrevi tanto mas ainda não sei o que tanto escrevi

Apenas libertei vozes do meu íntimo, acho poético

Para descrever o que tanto falo e escuto do silêncio

Que me aprisiona nesta vontade de escrever-vos.

Sanjo Muchanga




segunda-feira, 19 de outubro de 2015

lançamento da coletânea e a premiação do concurso literário Brasil Portugal foi um sucesso



lançamento da coletânea e concurso literário Brasil Portugal 2015 contou com vários artistas


Neste sábado 17-10-15 foi realizado um grande evento literário da Casa o Poeta de São Paulo em Coligada à Associação Portuguesa de Poetas. O evento marcara o lançamento da coletânea Brasil Portugal e entrega da premiação do concurso literário Brasil Portugal teve inicio as 16: 00,
Jasa e Nica apresenta os vencedores do concurso literário (foto: Sebastião Vieira)
porem este concurso teve concorrente do mundo todo, de diversos países de todos os continentes: Estados Unidos, França, Espanha, Chile, Argentina, Japão, China, Austrália, entre outros. Foram recebidos cerca de 950 trabalhos literários entre poesias e sonetos. No evento esteve presente o presidente do movimento poético de Portugal: Antonio Adriano da Rosa e o Jornalista Fernando de Abreu.
Foto: Sebastião Vieira
O evento  aconteceu na Biblioteca da Casa de Portugal, Avenida Liberdade 602, 3º andar Centro São Paulo.
A festa foi coordenada pelo presidente da Casa o Poeta Lampião de Gas SP E Presidente da Sociedade Mundial dos Poetas: Wilson de Oliveira Jasa, o vice Adriano Augusto da Costa Filo, a secretária Odila  Placencia e a diretora social Nilzangela de Sousa Lima. Estão confirmadas algumas mídias "imprensa", jornal do Braz, Rádio Trianon, Jonal Lusitano notícia do Diviseu, jornal Imprensa da API, jornal Zona Leste e o Jornalista da Casa do Poeta Lampião de Gás também poeta Sebastião Vieira, Diretoria do Movimento Poético, Café com Poesia, entre outros. O que se viu foi um lindo evento literário com muita poesia e música. Poetas e cantores de todos os cantos se apresentaram no palco com presença de bom publico.
Na premiação Wilson de Oliveira Jasa recebeu: Diploma da Fundação luso-Galaica, de Cultura (Portugal)

Foto: Alexandre Jasa
A Casa o Poeta de São Paulo  Coligada à Associação Portuguesa de Poetas.

Antonio Adriano Pais Rosa, Wilson  Jasa, Fernando de Abreu


Nossos parabéns a Casa do Poeta "Lampião de Gás" de São Paulo, ao Movimento Poético em São Paulo e aos organizadores Adriano Augusto da Cosa Filho e Wilson de Oliveira Jasa, E Nilzangela de Sousa Lima

Foto: Wilson  Jasa








Reportagem: Sebastião Vieira/ fotos : Sebastião Vieira, Jasa e Daniel


                                   VEJA VÍDEOS: MELHORES MOMENTOS DA FESTA




                                   VEJA MAIS FOTOS NA CAMARÁ É CLICAR APARECE






VEJA A LISTA DOS ARTISTAS PRESENTES/ ARTISTAS: APRESENTADORES, MÚSICOS, POETAS, CANTORES E TODOS QUE ESTIVERAM PRESENTES:



domingo, 18 de outubro de 2015

Resultado Concurso Literario Casa do Poeta de São Paulo

            Resultado Concurso Literario Casa do Poeta de São Paulo

              Brasil  -Portugal
Casa do Poeta " Lampião de Gás" de São Paulo
Brasil- Portugal

 Poemas Vencedores

                     
 Colocação 
     
 Nome..........................................................Poema                                           

1º Lugar   -      Dimithryus Padilha.

                ....................................................Fermoso Mar.

2º Lugar   -      Anabela Borges.

..........................................................As palavras Custam a Sair. 


3º Lugar   -      Sanjo Muchanga.

.........................................................Aos Critícos Literários 


Menção Honrosa


1º Lugar  -        Cesar do Rego Freitas DabusMaluf.

........................................................................Vida Sem Amor.

2º Lugar  -        Roberto Ferreira Silva.

 ..................................................................Sem voce Perco a Razão.

3º Lugar  -        Biana Vieira Peixoto.

................................................Falsidades de Poeta. 


Comissão Julgadora: 
Presidente da Casa do Poeta -  Wilson de Oliveira Jasa
Vice Presidente Adriano - Augusto da Costa Filho.
Presidente da Comissão - Odila Placêcia.
Organização e Coodernação - Nilzangela de Lima Souza.

São Paulo 18 de outubro 2015

Concurso Literario Brasil Portugal

                                                        Resultado Concurso Literário Brasil Portugal





quarta-feira, 14 de outubro de 2015

lançamento da coletânea e concurso literário Brasil Portugal 2015

lançamento da coletânea Brasil Portugal e entrega da premiação do concurso literário Brasil Portugal

O evento vai acontecer na Bilioteca da Casa de Portugal, Avenida Liberdade 602, 3º andar Centro São Paulo


Convite Literário: Neste sábado 17-10-15 será realizado um grande evento literário da  Casa o Poeta de São Paulo em Coligada à Associação Portuguesa de Poetas. O evento marcará o lançamento da coletânea Brasil Portugal e entrega da premiação do concurso literário Brasil Portugal com inicio as 16: 00, porem este concurso teve concorrente do mundo todo, de diversos países de todos os continentes:
Poetas se apresentam para as fotos apos reunião 'sarau"
Estados Unidos, França, Espanha, Chile, Argentina, Japão, China, Austrália, países africanos entre outros. Foram recebidos cerca de 950 trabalos literários entre poesias  e sonetos. Nesta quinta feira chegam ao Brasil o presidente do movimento poético de Portugal: Antonio Adriano da Rosa e o Jornalista Fernando de Abreu, eles vão ser esperados pela diretoria da Casa do Poeta Lampião de Gás e por diversos poetas no Aeroporto de  Cumbica São Paulo. O evento vai acontecer na Bilioteca da Casa de Portugal, Avenida Liberdade 602, 3º andar Centro São Paulo.
A festa será coordenada pelo presidente da Casa o Poeta Lampião de Gas SP Wilson de Oliveira Jasa, o vice Adriano Augusto da Costa Filo, a secretária Odila  Placencia e a diretora social Nilzangela de Sousa Lima. Estão confirmadas algumas mídias "imprensa", jornal do braz, Rádio Trianon, Jonal Lusitano notícia do Diviseu, jornal Imprensa da API, jornal Zona Leste e o Jornalista da Casa do Poeta Lampião de Gás também poeta Sebastião Vieira.

A Casa o Poeta de São Paulo é Coligada à Associação Portuguesa de Poetas. Suas reuniões acontecem todas terças-feiras das 18:00 as 20:00 horas -Encontro de Poetas. Endereço: Rua Álvares Machado, 22 - Centro, São Paulo - SP.
                                           VEJAM O VÍDEO, NICA ENTREVISTA JASA
A Casa Lampião de Gás é uma das mais antigas entidades de poesias no Brasil. Fundada por YDE (ADELAIDE) SCHLENBANCH BLUMNSHIN. Pseudônimo Colombina, em 07-11-1948, também fundou o fanal (jornal), mensário da entidade , que circula até hoje. Muitos poetas permanecem até hoje e vem sempre se  renovando. Hoje em dia são diversos estilos poéticos como; poema livre, grinalda que é bem usado na Casa do Poeta Lampião de Gás pelos poetas presidente Wilson Jasa, o vice Adriano, a secretária Odila entre outros, haja visto o que vem se renovando também é contação de istoria, onde nos saraus os poetas Adalésio, Chico Luz, Pedrão, Mírian vem fazendo este trabalho magnifico que já é um sucesso não só nos saraus, mas em outros espaços também como facudades. Algus poetas declama a poesia musicada (poesia tirada da música), Sebastião Vieira, Chico Luz, Adalésio entre outros.

O poeta Chico Luz fez seu poema em homenagem a esse encontro Brasil Portugal na poesia:

Neste encontro luso-brasileiro
De memorável lítero-musical
Numa Casa Portuguesa com certeza
Será marcado em nossos anais.
É das raízes que se formam culturas
Poéticas e musicais de nossa gente,
Em que pese a distancia além-mar,
De duas nações de língua portuguesa.
Cada qual com seu sinônimo aparte,
Fazem da indicação entendimento,
A pesar da cômica diferença.
Nossas palavras são iguais
Com conceitos diferentes,
Que nos unem na ortografia.
Chico Luz
Por: Sebastião Vieira

Convite - Sabado 17 de outubro 2015

Caros Poetas estão todos convidados para Cerimonia.

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

O RESULTADO DO CONCURSO SERÁ ABERTO NO DIA 17 DE OUTUBRO 2015

PREZADOS POETAS O RESULTADO DO CONCURSO SERÁ ABERTO EM CERIMONIA NA CASA DE PORTUGAL NO DIA 17 DE OUTUBRO 2015.

terça-feira, 29 de setembro de 2015

A Casa do Poeta Lampião de Gás é o coração da poesia na capital paulista


A poesia se renova também na Casa do Poeta Lampião de Gás 

A Casa Lampião de Gás é uma das mais antigas entidades de poesias no Brasil. Fundada por YDE (ADELAIDE) SCHLENBANCH BLUMNSHIN. Pseudônimo Colombina, em 07-11-1954, também fundou o fanal (jornal), mensário da entidade , que circula até hoje.
Poetas fazem fotos no final da reunião 
Muitos poetas permanecem até hoje e vem sempre se  renovando. Hoje em dia são diversos estilos poéticos como; poema livre, grinalda que é bem usado na Casa do Poeta Lampião de Gás pelos poetas presidente Wilson Jasa, o vice Adriano, a secretária Odila entre outros, haja visto o que vem se renovando também é contação de istoria, onde nos saraus os poetas Adalésio, Chico Luz, Pedrão, Míriam vem fazendo este trabalho magnifico que já é um sucesso não só nos saraus, mas em outros espaços também como faculdades. Alguns poetas declama a poesia musicada (poesia tirada da música), Sebastião Vieira, Chico Luz, Adalésio entre outros.
São Paulo torna- se uma cidade de muita cultura
A população de São Paulo vem tendo oportunidade, para fazer oficinas e participar de reuniões “sarais poéticos gratuitos, sendo assim, aprimorando ainda mais seu intelecto e beneficiando na melhora da qualidade de vida.
Poetas  fazem fotos apos reunião
Aqui na Casa de Casa do poeta Lampião de Gás acontecem  reuniões de poesias todas as terças feiras.  Muitos poetas comparecem para declamar e recitar seus poemas.
Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto. Umas das atrações é a pianista Senhora Dulce França que inicia com o hino da Casa do Poeta, Lampião de Gás música da Cantora Elizete Barroso. Quem também contribui na parte musical é a cantora Maura Fernandes.

Por: Sebastião Vieira

A Casa do Poeta Lampião de Gás tem um trio brilhante

Diretoria da Casa do Poeta conquista destaque internacional

A Casa do Poeta Lampião de Gás está Coligada à Associação Portuguesa de Poetas 


A Casa do Poeta Lampião de Gás tem um trio brilhante que trabalha com amor e carino levando a poesia por todas as fronteiras, hoje ela já está em Portugal, onde esta Coligada à Associação Portuguesa de Poetas, também está sendo divulgada em outros países, alem de ter um grande conhecimento nacional por todos Estados do Brasil.
Na diretoria atual: Wilson de Oliveira Jasa, Vice Presidente: Adriano Augusto da Costa e Segunda Secretária: Odila Paciência:
Na diretoria atual tem como presidente: Wilson de Oliveira Jasa, Vice Presidente: Adriano Augusto da Costa e Segunda Secretária: Odila Paciência. Já é um sucesso as reuniões (saraus) poéticos apresentado na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos, acontecem também a música para ilustrar e tornar mais agradável. Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto.
Na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura.
Alem de muitas poesias bacanas nos eventos acontece também a música para ilustrar e tornar mais agradável.
Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto. Umas das atrações é a pianista Senhora Dulce França que inicia com o hino da Casa do Poeta, Lampião de Gás música da Cantora Elizete Barroso. Quem também contribui na parte musical é a cantora Maura Fernandes.

Por: Sebastião Vieira

A poetisa Nilzángela Lima (Nica) contribui na Casa do Poeta Lampião de Gás



Nica contribui com a poesia, com os poetas e com a divulgação na hora mais certa


A poetisa Nilzángela Lima (Nica) é uma pessoa que veio pra ficar, se apaixonou- se pela poesia nos poucos anos que tem na Casa do Poeta. Foi um presente de ouro que caiu do céu, não só pela sua elegância, carinho com colegas da poesia, más por ser a pessoa ideal para contribuir de maneira genial com a literatura, com a poesia.
A poetisa Nilzángela Lima (Nica) recita poesia
Ela trouxe a ideia de um blog da Casa para publicar passo a passo a poesia e o dia a dia dos poetas, que respiram a poesia e carregam a tanto tempo essa amada profissão por amor, dando vida, sendo que nunca recebem apoio financeiros pelas autoridades pública e nem tão pouca pela sociedade. Porem muitas vezes achamos que a cultura não é valorizada, mas todos os poetas sempre acreditou que um dia iam encontrar seu lugar merecido e conhecer Nica para assim crescer junto a poesia. A cultura poética nos últimos anos aumentou na capital paulista, hoje são mais de 60 saraus poético na cidade de São Paulo, porem isto é bom para a Casa do Poeta Lampião de Gás que é o centro das atenções, das mídias, pesquisas, onde vem sendo bem visitada. Todos poetas, convidados, visitantes são bem atendidos e gostam do ambiente maravilhoso.Na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre comparece um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos acontece também a música para ilustrar e tornar mais agradável.
Como de costume as reuniões acontecem todas as terças feiras das 18h00 as 20: 00 .
Os poetas se apresenta conforme a ordem de chegado seguindo a lista, coordenado por Odila que faz parte da Mesa junto ao presidente Jasa e o vice Adriano Costa. Durante as reuniões a mesa anunciam os informativos do mês tanto para concursos como para eventos ou publicações diversas. Para outubro deste ano esta sendo preparado o Livro poético Brasil Portugal numa união entre os dois países na poesia.São Paulo torna- se uma cidade de muita cultura.

Por: Sebastião Vieira

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

CASA DO POETA LAMPIÃO DE GÁS DE SÃO PAULO A ALMA DO POETA

CASA DO POETA LAMPIÃO DE GÁS SP

A casa do Poeta Lampião de gás é o lugar da poesia


A  Casa do Poeta Lampião de Gás São Paulo SP é um lugar maravilhoso para declamar poesias e outros estilos poéticos. As reuniões "sarau" acontecem todas as terças feiras apartir das 18 horas na Rua Alvaro Machado,22 Liberdade centro São Paulo.
A cantora Maura Fernandes, Adriano e Odila
Na reunião ocorrida dia 15-09-2015, estiveram presente um bom número de poetas: A diretoria W. Jarsa, Odila Placencia, Adriano e os poetas associados e convidados: Sinthia, Fernando, Sheila, Nica, Thais, Gilberto, Terezenha, a cantora Maura Fernandes, Edilson, o poeta mais velho João Batista de 85 anos de idade, A dalésio poeta e contador de istória, Ramos, Míriam, Chico Luz, Iracema, Pedro que declamou seu belo poema musicado, Luiz Poeta que declamou o seu poema ecologíco, Cristiane e Camila.
A Casa Lampião de Gás é uma das mais antigas entidades de poesias no Brasil. Fundada por YDE (ADELAIDE) SCHLENBANCH BLUMNSHIN. Pseudônimo Colombina, em 07-11-1954, também fundou o fanal (jornal), mensário da entidade , que circula até hoje. Muitos poetas permanecem até hoje e vem sempre se  renovando .
O poeta Edilson Recita seu novo poema sertanejo
As reuniões litero- música da Casa do Poeta continuam sendo ás 18 h ás 20h nas  terças feiras  no Auditório  “Paulo Zingg” no segundo andar no edifício da A.P.I, numa gentileza da Associação Paulista de Imprensa na Rua Álvaro Machado- 22 Centro/ Liberdade SP.
LUIZ POETA RECITA SEU POEMA ECOLOGICO
VÍDEO REPORTAGEM COM DIVERSOS POETAS
Na diretoria atual tem como presidente: Wilson de Oliveira Jasa, Vice Presidente: Adriano Augusto da Costa e Segunda Secretária: Odila Paciência. Já é um sucesso as reuniões (saraus) poéticos apresentado na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. CASA DO POETA LAMPIÃO DE GÁS SP

A Casa Lampião de Gás é uma das mais antigas entidades de poesias no Brasil. Fundada por YDE (ADELAIDE) SCHLENBANCH BLUMNSHIN. Pseudônimo Colombina, em 07-11-1954, também fundou o fanal (jornal), mensário da entidade , que circula até hoje. Muitos poetas permanecem até hoje e vem sempre se  renovando .

Alem de muitas poesias bacanas nos eventos, acontecem também a música para ilustrar e tornar mais agradável. Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto.

Por: Sebastião Vieira

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Convite - Homenagem à Paulo Bomfim -

Convido  todos  para deliciosos encontros poéticos, realização do Grupo Pauliceia garotada feliz que tem como objetivo elevar nossa plataforma cultural com garra, transpiração e acima de tudo "ação".  Nossa sociedade precisa de vocês, meu caros desprovidos do bem maior " amar o próximo" vejam esses atos  GRUPO PAULICEIA   copiem ou pelo menos tentem uma pequena porcentagem diária de fazer o bem para outrem. Para quem ama o poeta Paulo Bomfim fica a dica.





Editora Matarazzo



sexta-feira, 11 de setembro de 2015

CASA DO POETA LAMPIÃO DE GÁS SE DESTACA NA POESIA

CASA DO POETA LAMPIÃO DE GÁS SE DESTACA NA POESIA
A poesia é um bem está na capital paulista SP



Nesta terça feira (08-09-2015), aconteceu o encontro de Poetas “Sarau poético” na A.P.I (Associação Paulista de Imprensa) na Rua Alvoro Machado, 22 Liberdade centro São Paulo SP.
O evento contou com a presença de vários poetas e as cantoras Maura Fernandes Ferreira
Como de costume as reuniões acontecem todas as terças feiras das 18h00


A Casa Lampião de Gás é uma das mais antigas entidades de poesias no Brasil. Fundada por YDE (ADELAIDE) SCHLENBANCH BLUMNSHIN. Pseudônimo Colombina, em 07-11-1954, também fundou o fanal (jornal), mensário da entidade , que circula até hoje. Muitos poetas permanecem até hoje e vem sempre se  renovando .
As reuniões litero- música da Casa do Poeta continuam sendo ás 18 h ás 20h nas  terças feiras  no Auditório  “Paulo Zingg” no segundo andar no edifício da A.P.I, numa gentileza da Associação Paulista de Imprensa na Rua Álvaro Machado- 22 Centro/ Liberdade SP.
Na diretoria atual tem como presidente: Wilson de Oliveira Jasa, Vice Presidente: Adriano Augusto da Costa e Segunda Secretária: Odila Paciência. Já é um sucesso as reuniões (saraus) poéticos apresentado na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos, acontecem também a música para ilustrar e tornar mais agradável. Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto.
Por: Sebastião Vieira



sábado, 5 de setembro de 2015

A Casa do Poeta Lampião de Gás se renova com o talento dos poetas

São Paulo torna- se uma cidade de muita cultura


A população de São Paulo vem tendo oportunidade, para fazer oficinas e participar de reuniões “sarais poéticos gratuitos, sendo assim, aprimorando ainda mais seu intelecto e beneficiando na melhora da qualidade de vida. Aqui na Casa de Casa do poeta Lampião de Gás acontecem  reuniões de poesias todas as terças feiras.  Muitos poetas comparecem para declamar e recitar seus poemas.

Nesta terça feira (31-06-2015), aconteceu o encontro de Poetas “Sarau poético” na A.P.I (Associação Paulista de Imprensa) na Rua Alvoro Machado, 22 Liberdade centro São Paulo SP.
O evento contou com a presença de vários poetas e as cantoras Maura e Cinthia
Como de costume as reuniões acontecem todas as terças feiras das 18h00 as 20: 00 . O poeta Daniel Teixeira fez bonito ao declamar seu lindo poema rosário de versos. Quem também encantou foi José Francisco no seu poema enraçado. Outro que vem brilhando é o extrovertido poeta Adalesio que a cada apresentação declama algo diferente entre as suas mais belas poesias.

Os poetas se apresenta conforme a ordem de chegado seguindo a lista, coordenado por Odila que faz parte da Mesa junto ao presidente Jasa e o vice Adriano Costa. Durante as reuniões a mesa anunciam os informativos do mês tanto para concursos como para eventos ou publicações diversas. Para outubro deste ano esta sendo preparado o Livro poético Brasil Portugal numa união entre os dois países na poesia.
Por: Sebastião Vieira

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Convite - Lançamento Antologia " Operários das Letras"

Mais um trabalho elaborado  pela talentosa incasavel Poetisa  Odila Placência!

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Casa do Poeta, Lampião de Gás onde a poesia acontece


Casa do Poeta, Lampião de Gás se destaca com a poesia e a música


Nesta terça feira (01-09-2015), aconteceu o encontro de Poetas “Sarau poético” na A.P.I (Associação Paulista de Imprensa) na Rua Alvoro Machado, 22 Liberdade centro São Paulo SP.
O evento contou com a presença de vários poetas e as cantoras Maura Fernandes Ferreira
Como de costume as reuniões acontecem todas as terças feiras das 18h00
Na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos acontece também a música para ilustrar e tornar mais agradável. Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto. Umas das atrações é a pianista Senhora Dulce França que inicia com o hino da Casa do Poeta, Lampião de Gás música da Cantora Elizete Barroso.
Quem também contribui na parte musical é a cantora Maura Fernandes.
Por: Sebastião Vieira

Grupo poético da Casa do Poeta Lampião de Gás não para de crescer

Com mais de 60 anos a Casa do Poeta Lampião de Gás SP ganha destaque em Portugal


Grupo poético da Casa do Poeta Lampião de Gás não para de crescer


A do Poeta Lampião de Gás SP ganha destaque em Portugal apos filiação Brasil Portugal, ou seja o grupo poético Lampião de Gás tem parceria com o grupo Português como afirma o fanal "jornal' mensal da Casa do Poeta. Antologia está sendo preparada para lançamento em outubro em festa na Casa de Portugal no bairro Liberdade-centro, á estão confirmadas as presenças de poetas de todo Brasil e também de Portugal.
A Casa está promovendo um blog para informações e divulgações poéticas do grupo associado que atinge cerca de 30 membros que todos já tem algo publicado. O amor pela poesia começou desde cedo pelos poetas que na maioria já tem mais de 30 anos de casa, porem vem mostrando fidelidade a cada ano, haja visto alem dos encontros semanais que acontecem nas terças feiras as 18h, á também outros encontro,s como no Parque Pequeri no Tatuapé, movimento poético Nacional no Centro, entre outros. A poesia tem crescido na capital paulista entretanto a prova disso é cerca de mais de 60 sarais ocorrem na Cidade de São Paulo principalmente na periferia o que significa a capital multicultural onde tem incentivos da secretaria de cultura, embora não aja recursos financeiros a Casa do Poeta Lampião de Gás é uma das que se mantem conta do  grupo de poetas que amam a profissão.
Nesta terça feira (26/08/2015), aconteceu o encontro de Poetas “Sarau poético” na A.P.I (Associação Paulista de Imprensa) na Rua Alvoro Machado, 22 Liberdade centro São Paulo SP.
O evento contou com a presença de vários poetas e as cantoras Maura e Cinthia
Como de costume as reuniões acontecem todas as terças feiras das 18h00 as 20: 00 . O evento contou com a presença de vários poetas e as cantoras Maura Fernandes Ferreira
Como de costume as reuniões acontecem todas as terças feiras das 18h00
  A Casa Lampião de Gás é uma das mais antigas entidades de poesias no Brasil. Fundada por YDE (ADELAIDE) SCHLENBANCH BLUMNSHIN. Pseudônimo Colombina, em 07-11-1954, também fundou o fanal (jornal), mensário da entidade , que circula até hoje. Muitos poetas permanecem até hoje e vem sempre se  renovando .
As reuniões litero- música da Casa do Poeta continuam sendo ás 18 h ás 20h nas  terças feiras  no Auditório  “Paulo Zingg” no segundo andar no edifício da A.P.I, numa gentileza da Associação Paulista de Imprensa na Rua Álvaro Machado- 22 Centro/ Liberdade SP.
Na diretoria atual tem como presidente: Wilson de Oliveira Jasa, Vice Presidente: Adriano Augusto da Costa e Segunda Secretária: Odila Paciência. Já é um sucesso as reuniões (saraus) poéticos apresentado na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos, acontecem também a música para ilustrar e tornar mais agradável. Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto.
Na Casa do Poeta Lampião de Gás, sempre com um bom número de associados e participantes da poesia que durante décadas apreciam a literatura. Alem de muitas poesias bacanas nos eventos acontece também a música para ilustrar e tornar mais agradável.
Na Casa do Poeta tem também espaço para outros tipos de cultura como a piada, conto, trova, histórias, mesmo o grande foco sendo a poesia e o soneto. Umas das atrações é a pianista Senhora Dulce França que inicia com o hino da Casa do Poeta, Lampião de Gás música da Cantora Elizete Barroso. Quem também contribui na parte musical é a cantora Maura Fernandes.
 evento contou com a presença de vários poetas e as cantoras Maura e Cinthia
Como de costume as reuniões acontecem todas as terças feiras das 18h00 as 20: 00 . O poeta Daniel Teixeira fez bonito ao declamar seu lindo poema rosário de versos. Quem também encantou foi José Francisco no seu poema enraçado. Outro que vem brilhando é o extrovertido poeta Adalesio que a cada apresentação declama algo diferente entre as suas mais belas poesias.
Os poetas se apresenta conforme a ordem de chegado seguindo a lista, coordenado por Odila que faz parte da Mesa junto ao presidente Jasa e o vice Adriano Costa. Durante as reuniões a mesa anunciam os informativos do mês tanto para concursos como para eventos ou publicações diversas. Para outubro deste ano esta sendo preparado o Livro poético Brasil Portugal numa união entre os dois países na poesia.
São Paulo torna- se uma cidade de muita cultura
A população de São Paulo vem tendo oportunidade, para fazer oficinas e participar de reuniões “sarais poéticos gratuitos, sendo assim, aprimorando ainda mais seu intelecto e beneficiando na melhora da qualidade de vida. Aqui na Casa de Casa do poeta Lampião de Gás acontecem  reuniões de poesias todas as terças feiras.  Muitos poetas comparecem para declamar e recitar seus poemas.


Por: Sebastião Vieira

Abujamra - Provocações

Abujamra - Provocações
Envie Poemas e Textos

Convite - Radio Trianon 740 AM

Convite - Radio Trianon 740 AM
Homenagem ao Poeta Paulo Bomfim

Mais Visitados

Convite

Convite

APE

APE
Associação Portuguesa de Escritores